24 de out de 2016

Levir Culpi é um burro com sorte mas é burro.

O treinador Levir Culpi do Fluminense em entrevista coletiva após o empate por 1x1 com o Coritiba, totalizando 4 jogos sem vitória (3 derrotas e 1 empate) comentou:
"É o pior momento matemático. Tecnicamente, não. Os três jogos anteriores e este empate fora de casa, acho que técnica e taticamente o desempenho foi bom. Houve falhas dos jogadores e minhas. Mas acontece. No passado, Gum era criticado. E agora? Foi bom, então, temos de elogiar".
Ele mesmo disse em seu livro ser um burro com sorte. Mas depois de algumas mudanças estratégicas no time, venho achar que é burro mesmo.
Espero que ele não continue no clube em 2017. Respeito sua carreira que não é tão vitoriosa, é uma pessoa super do bem, realiza entrevistas que sempre arrancam boas risadas dos repórteres mas está ultrapassado.
Saudações tricolores.